Portal da Indústria Gráfica Paulista. Juntos somos mais fortes!

1922

Chegada da primeira máquina de offset no Brasil, o que representa o inicio da história do Sindicato no País.

1923

Fundada em 17 de fevereiro. com o nome de Associação dos Industriais e Comerciantes Gráficos de São Paulo.

1931

Mudança de nome para Sindicato dos Industriais e Comerciantes Gráficos de São Paulo, por exigência do Decreto 19.770. de 19.MAR.1931.

1934

Os termos do Decreto 24.694, de 12.JUN.1934, muda novamente o nome para Sindicato dos Industriais Gráficos de São Paulo.

1939

0 Decreto-Lei n° 1.402, de 05.JUL.1939 - Enquadramento Sindical, modifica o nome para Sindicato da Indústria da Tipografia no Estado de São Paulo.

1940

Em 12 de abril, um decreto editado pelo então presidente, Getúlio Vargas, elimina as gráficas de todos os órgãos públicos.

1941

O Sindicato é reconhecido em 15 de Maio de 1941 e, após fusão com o Sindicato das Indústrias da Encadernação e da Gravura, passou a denominar-se Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo, que foi reconhecido em 12.FEV.1944, congregando associações sindicais de tipogratias. encadernadores e gravuristas.

1956

Com o nome de Sigesp, o Sindicato resolve dar um importante passo: a criação de sua sede própria. Segundo lideranças, ela serviria para que a entidade pudesse alcançar, sem se envolver em questões partidárias, maior projeção no cenário industrial, politico e social.

1958

O sonho se torna realidade Theobaldo de Nigris, presidindo a nova diretoria eleita, inaugura a sede própria.

1959

Surge a Associaçao Brasileira da Indústria Gráfica (ABTG), que se tornaria grande parceira do SINDIGRAF-SP.

1994

O SINDIGRAF-SP é levado para o interior da FIESPICIESP, marcando o inicio de ações realizadas em sistema de cooperação entre as entidades.

2002

SINDIGRAF-SP realiza o Censo 2002 da Indústria Gráfica Paulista. Em união com a regional paulista da Associação Brasileira da Indústria Gráfica (ABIGRAF) firmaram convênio com a Caixa Econômica Federal, possibilitando às empresas associadas contratar empréstimos para capital de giro e investimentos em bens, serviços e equipamentos. Também em parceria com a ABIGRAF Regional São Paulo desenvolve a 11° edição da Pesquisa de Salários e Beneficios.

2003

Em 17 de fevereiro, o SINDIGRAF-SP completa 80 anos de fundação. Dentro de sua politica de responsabilidade social. lança o Guia Técnico Ambiental da Indústria Gráfica e patrocina um manual sobre reciclagem e coleta seletiva (FIESP/CIESP). Além de subsidiar cursos para associados, o Sindicato cria também o Banco de Empregos na Indústria Gráfica.

2004

Em setembro de 2004, foi definida a nova diretoria para o triênio 2004/2007, tendo Mário César de Camargo à presidência. A tim de elevar a produtividade do setor, a nova diretoria executiva definiu como prioridades aprimoramento profissional, atualização da gestão empresariale combate às práticas que bloqueiam o bom desempenho da Indústria.

2005

Pela primeira vez em sua história, o Sindicato realizou uma campanha publicitária. que enfatizou os três pontos de defesa da entidade: Educação. Gestão e Pressão (no sentido de defesa dos interesses do setor).

2006

0 SINDIGRAF-SP apoiou dois grandes programas do Sistema ABIGRAF: o Projeto de Interiorização. em parceria com a ABIGRAF-SP, que tem como objetivo a instalação de novas Seccionais no interior paulista; e o programa Semana de Artes Gráticas, voltada à capacitação técnica e mercadológica dos profissionais gráficos.

2007

Além de patrocinar e apoiar os programas de capacitação promovidos pelas entidades do Sistema ABIGRAF. como a Semana de Artes Gráficas e a Escola de Vendas Mário César de Camargo, o Sindicato concluiu mais um ano em sua missão de promover o desenvolvimento do setor, um trabalho que tem como uma de suas linhas condutoras a elaboração de pesquisas e publicações diversas, bem como a promoção do conhecimento.

2008

O ano de 2008 foi marcado pela parceria lirmada com o SEBRAE Nacional para realizar um censo da indústria gráfica, que comportará um levantamento detalhado das empresas do setor. A entidade teve participação na realização de 36 palestras, que atrairam 963 participantes, de 251 empresas, e, também, no programa Semana de Artes Gráficas. que chegou à terceira edição, atingindo sete cidades paulistas.

2009

Foi desenvolvida a 18' edição da Pesquisa de Salários e Beneficios na Indústria Gráfica Paulista. estudo que coloca à disposição das empresas informações precisas sobre o mercado de trabalho. 0 Banco de Empregos na Indústria Gráfica atingiu cerca de 1.400 vagas oferecidas e 8.400 curriculos cadastrados. Os números mostram que a ferramenta vem cumprindo o objetivo de auxiliar as empresas a tornar mais ágil o processo de busca e contratação de profissionais.

2010

Vencedor do Prêmio Melhores Práticas Sindicais (FIESP), o Sindicato lançou a 19* edição da Pesquisa de Salários e Benefícios na Indústria Gráfica Paulista, comemorou a consolidação do Banco de Empregos, que ia supera oito mil curriculos cadastrados em três anos, e concedeu bolsa de estudos para 14 estudantes do curso superior da Faculdade SENAI de Tecnologia Gráfica.

2013

SINDIGRAF-SP completa 90 anos.